28 de abril de 2015

cada segundo da VIDA

Estou começando a ficar com medo da morte, mas no domingo eu vi um motorista que parou no posto de gasolina e chamou a frentista, eu pensei que ele iria pedir pra trocar o dinheiro, mas não, ele ligou o celular e mostrou uma foto, e percebi pelo entusiasmo da frentista, que era a foto de um bebe, ela disse: "que gostoso parece com a mãe" ele: "que nada!". Naquele instante percebi que tudo vale a pena e chorei, to chorando agora lembrando do momento.
A semana foi de valorização da vida e acho que meu choro e medo são porque agora eu realmente estou consciente e valorizando cada segundo da VIDA

Nenhum comentário:

Postar um comentário