15 de julho de 2017

O discurso do opressor entrou em colapso

Basquiat, o teu início abriu portas.
Estamos em Roma. Dançamos 10%, criamos
nossa cidade invisível, choramos à beça, erramos
também! Que loucura!
Basquiat, não queremos pausas, queremos sorrisos e choros. Ah!
A decepção aconteceu e acho que não tem mais volta!
O que a Julia disse, melhor o que minha mãe diz: "cuidado com as palavras".
O discurso do opressor entrou em colapso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário